Telxe expande redes em operação estruturada pela QoS

A operadora de telecom curitibana Telxe realizou uma expansão de sua infraestrutura nos últimos doze meses, em projeto que contou com estruturação realizada pela QoS (empresa de serviços e integração do Grupo Binário).

Como resultado, a "startup" paranaense (que foi fundada em 2020) expandiu sua cobertura para 15 capitais e mais de 50 cidades, atendendo cerca de 100 ISPs com links IP e de trânsito, segundo comunicado da parceira

O investimento inicial no projeto foi de R$ 20 milhões pelo período de um ano. A QoS foi responsável pela ativação do primeiro cliente da Telxe, também atuando no posicionamento da operadora no mercado, no monitoramento da infraestrutura da parceira e na interface de atendimento com clientes, por meio de um serviço de NOC operando 24×7.

Notícias relacionadas

A integradora do Grupo Binário ainda auxiliou a instalação de PoPs (pontos de presença) que consolidaram a expansão da cobertura da Telxe nas regiões Norte e Centro-Oeste – que desde o início da operação eram consideradas prioritárias no projeto, devido à alta demanda não atendida pelas grandes operadoras.

Ainda segundo a QoS, a expansão da rede teria permitido que o faturamento da Telxe partisse do zero para R$ 1 milhão em menos de um ano, inclusive a partir da diversificação de clientes-alvo, com novos contratos para atender o governo e universidades. Recentemente, a Telxe também adquiriu uma rede própria em Brasília, para trabalhar com o mercado B2B, apontou a parceira.

Deixe seu comentário