Rio Grande do Sul é aposta da Unifique para adições orgânicas na banda larga

Foto: Eduardo Amorim

O estado do Rio Grande do Sul é a grande aposta da Unifique para a adição orgânica de clientes de banda larga fixa ao longo de 2022, após desaceleração do indicador no começo do ano.

Durante call sobre os resultados da Unifique no primeiro trimestre, a companhia catarinense adiantou que está contratando uma grande empreiteira para a construção de um "número expressivo" de portas para rede FTTH no estado. Segundo afirmou a provedora nesta quinta-feira, 12, a prestadora de serviços seria uma parceira tradicional das grandes teles.

Com o movimento, a expectativa é trazer crescimento orgânico a partir do território gaúcho – que já começou a ser alvo de ações comerciais em 2022 sob a marca Unifique. A empresa ingressou no RS através das compras da Naja, TKnet, Guaíba e Sygo, que juntas somam 150 mil clientes; a compra da Sygo ainda depende de aprovação da Anatel, mas esse ISP sozinho responde por 80 mil acessos.

Notícias relacionadas

No primeiro tri, a incorporação dos clientes da Guaíba na base da Unifique respondeu pela maior parte (24 mil) das 35 mil adições líquidas da companhia catarinense. Os 11 mil restantes foram novos clientes orgânicos, em desencontro com a meta da própria empresa de somar 200 mil novos acessos ao longo do ano, fora aquisições.

Entre as razões para a desaceleração estiveram o churn, como apontado por TELETIME, vinculado à inadimplência, segundo o comando da empresa. O indicador se aproximou de 4% no primeiro trimestre e motivou políticas mais rigorosas de desligamento por parte da operadora.

Presença da Unifique no Rio Grande do Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.