Brisanet adquire primeiras ERBs da Huawei para implementação do 5G e paga antecipado

Foto: Pixabay

Junto com os resultados do primeiro trimestre de 2022, a Brisanet também revelou nesta quinta-feira, 12, um contrato de cerca de R$ 230 milhões com a Huawei para a compra das primeiras estações rádio base (ERBs) para pilotos de 5G.

Segundo a operadora cearense, o negócio foi fechado em março, com o montante constando no balanço do primeiro trimestre como um "adiantamento a fornecedores". A Brisanet também sinalizou que os valores representam a maior parte do que deverá ser investido na linha de negócio 5G ao longo de 2022.

No leilão do ano passado, a companhia comprou licenças regionais de 3,5 GHz no Nordeste e Centro Oeste e de 2,3 GHz no Nordeste para habilitar a prestação do serviço de quinta geração. O início da operação comercial deve ocorrer a partir de 2023, mas pilotos já estão sendo anunciados.

Notícias relacionadas

No fim de 2021, a operadora cearense também reportava 400 estações rádio base no padrão LTE (4G).

Investimentos

No primeiro trimestre, a Brisanet gerou receita líquida de R$ 216,9 milhões com sua operação de banda larga, que somava em março 909 mil assinantes em 139 cidades nordestinas. O lucro no período foi de R$ 9,5 milhões.

Já os investimentos trimestrais saltaram 238,2% em um ano, impulsionados justamente pela compra das ERBs. Considerando o imobilizado e intangível, o capex da Brisanet ficou em R$ 484,5 milhões (com R$ 232,9 milhões deles aplicados na expansão orgânica da companhia).

A aplicação de caixa na aquisição das ERBs também afetou o perfil de endividamento da empresa: a dívida líquida da Brisanet saltou 742,4% em um ano, para R$ 628,4 milhões em março. O valor é resultado da dívida bruta (R$ 1,147 bilhão, alta de 2,2%) menos o caixa e equivalentes – que caíram 49,5% após os investimentos em 5G e banda larga, saindo de R$ 1 bi para R$ 505 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.