Após resultados da GVT no trimestre, Vivendi prepara aquisições

A GVT divulgou nesta quinta-feira, 12, seus resultados do primeiro trimestre deste ano. A receita líquida foi de R$ 742 milhões (46,8% maior que a de igual período do ano passado) e a base chegou a 4,76 milhões de acessos em serviço (51,6% sobre primeiro trimestre de 2010).
Além disso, o lucro trimestral praticamente quadriplicou, saindo de R$ 31,3 milhões em igual trimestre do ano passado para R$ 118,2 milhões. O trimestre foi encerrado com Ebitda de R$ 313,9 milhões, 49% sobre resultado do ano anterior. "Praticamente metade das adições líquidas nesse período foi de 15 Mbps", diz Alcides Troller Pinto, vice presidente de marketing e vendas da GVT.
Investimento

Notícias relacionadas
Entre janeiro e março a GVT investiu R$ 331,5 milhões, 80% a mais que o aportado no primeiro trimestre de 2010. A estimativa é de um investimento de R$ 1,8 bilhão em 2011, 40% a mais que no ano passado.
Nova oferta
A operadora investiu R$ 25 milhões na construção de três datacenters e no lançamento de um portfólio para o setor corporativo, que inclui serviços de co-location, monitoramento e moving. "Nossa expectativa é de conquistar 60 clientes nos próximos doze meses", estima.
Salto
Presente em pouco mais de 100 cidades, a GVT pretende praticamente dobrar sua cobertura em cinco anos, ofertando seus serviços a outros 80 municípios durante o período. "Temos condições de entrar em mais (cidades) se o Governo viabilizar e pudermos utilizar backbones em áreas onde não há infraestrutura disponível", disse Amos Genish, presidente da GVT.
Telecom e mídia
O presidente da operadora, Amos Genish, informou também que a Vivendi, empresa francesa que adquiriu o controle da GVT no ano passado, pretende investir nas áreas de telecomunicações e mídias digitais. "Estamos fazendo uma parceria com a prefeitura do Rio de Janeiro para analisar empresas start-ups de tecnologia. A diretoria da Vivendi esteve no Rio de Janeiro em abril (último) e deve voltar nos próximos dois ou três meses (para novas reuniões). Em breve teremos novidades", revela Genish.
O executivo adiantou que aquisições podem ser feitas nos próximos anos. "Tudo o que servir de conteúdo para nossa plataforma multimídia nos interessa", completou Troller.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.