João Pedro Flecha de Lima assume comando da empresa de cabos submarinos Ellalink

O executivo João Pedro Flecha de Lima, que já comandou a Huawei no Brasil e a área de telecomunicações da Samsung no país, é o novo CEO da Ellalink, a empresa formada pela Telebras e pela espanhola Islalink para operar um cabo submarino entre Brasil e Europa. A joint-venture foi celebrada no meio de 2015 e desde então a empresa vem passando por um processo de estruturação interna, com a montagem de cinco diretorias, quatro delas já com executivos contratados e uma (a comercial) será acumulada por Flecha de Lima. O processo de contratação do CEO envolveu o trabalho de um headhunter e mais de 20 nomes foram considerados. Islalink e Telebras tiveram a palavra final sobre o nome. Flecha de Lima terá como principal missão encontrar clientes dispostos a investir antecipadamente, financiando a constrição do projeto, para depois utilizarem a capacidade, num modelo considerado usual para esse tipo de operação.

O projeto do cabo submarino conjunto entre a estatal brasileira e a Islalink vem sendo gestado desde 2012 e tinha como primeira data alvo de operação 2014, mas esse prazo vem sendo ajustado desde então. A previsão para o início da construção do cabo é o primeiro semestre de 2016 e a entrada em operação é no segundo semestre de 2017. O cabo terá 5,7 mil km, conexões em Fortaleza e Lisboa e capacidade de 30 Tbps. O custo inicial do projeto havia sido estimado em US$ 185 milhões. A joint venture, ao ser anunciada, tinha composição acionária de 35% da Telebrás, 45% da IslaLink e 20% de um acionista brasileiro. O processo de seleção dos fornecedores do cabo está em andamento.

1 COMENTÁRIO

  1. Meus parabéns João Pedro, fico muito feliz em ver o seu continuo pregresso!
    Envio também um grande abraço para seu pai a quem sempre tive toda admiração!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.