Publicidade
Início Newsletter Lucro da Unifique cresce 76% no primeiro trimestre; CFO comenta resultados

Lucro da Unifique cresce 76% no primeiro trimestre; CFO comenta resultados

Sede da Unifique. Foto: Daniel Zimermann/Divulgação

Os resultados da Unifique no primeiro trimestre de 2022 foram publicados na noite desta quarta-feira, 11, indicando alta de 71,5% na receita líquida do grupo catarinense (para R$ 153,9 milhões) e de 76,2% no lucro líquido (que somou R$ 32,9 milhões).

No período, a base de assinantes da empresa cresceu 61% – atingindo 511,5 mil clientes de banda larga ao fim de março (quase 35 mil novos acessos, sendo 11 mil orgânicos). Já os lares onde o serviço de fibra óptica está disponível (homes-passed, ou HPs) avançaram 78,8%, para 1,737 milhão de HPs.

Em entrevista ao TELETIME, o diretor financeiro (CFO) da companhia, José Wilson Souza Junior, comentou que o aumento inorgânico ajudou no desempenho. “Crescemos consideravelmente, principalmente em função das aquisições de 11 empresas nos últimos 12 meses e mantendo a rentabilidade que a gente se comprometeu”, afirmou o executivo.

Notícias relacionadas

Além do avanço de mais de 70% no faturamento, a presença da infraestrutura resultou em Ebitda ajustado recorrente de R$ 78,1 milhões nos três primeiros meses de 2022 (salto de 56,1%). A cifra refletiu uma margem Ebitda recorrente de 50,7%, ante 55,7% um ano antes e 50,1% ao fim de 2021.

Acima da própria meta de 50%, o indicador da rentabilidade segue pressionado pela integração de algumas empresas recentemente adquiridas, de acordo com Souza. Segundo o CFO, a Unifique segue interessada em certos alvos com quem ainda negocia a compra, mas também passou para a “geladeira” algumas transações. “As condições de 2022 não são mais as mesmas de 2021”, notou o executivo.

Comercial

No âmbito comercial, a operadora registrou uma alta no churn (perda de clientes) de banda larga fixa, que alcançou 2,42% “muito em função das novas aquisições, com troca de marcas, de pacotes e até higienização da base”, segundo Souza. Ao fim de 2021, o churn marcava 1,67%.

Mesmo com a alta do indicador, a empresa está realizando reajustes de preços para alguns clientes a partir deste mês de maio (até pelo ARPU menor de assinantes oriundos das empresas adquiridas). Vale lembrar que além da banda larga fixa, a Unifique também é entrante no mercado de 5G após ser uma das vencedoras do leilão do ano passado.

IPO

Em paralelo ao desempenho operacional da empresa, o entendimento é que a performance dos papéis da empresa na B3 segue afetada por fatores externos e uma certa desconfiança do mercado em geral com os ISPs. Apenas em 2022, a ação da Unifique desvalorizou 28%, alcançando 49,9% em perdas desde a estreia na bolsa, em julho passado. Nesta quarta-feira, o FIQE3 era negociado a R$ 4,43 após baixa de 2,64% ao longo do dia.

“O mercado está oscilando demais e os juros da forma como estão fazem os investimentos saírem para a renda fixa. Essa movimentação está ocorrendo, mas estamos trabalhando e entregando os resultados que nos comprometemos”, afirmou Souza Junior. “A Unifique está se tornando uma excelente oportunidade para médio e longo prazo e diante dos resultados que entregamos, estamos muito baratos. [A queda nas ações] é um cenário mais do mercado macroeconômico do que vinculado à companhia, que está entregando resultados”.

1 COMENTÁRIO

  1. Eu tbm estou achando muito barato a ação da unifique, aproveitei essa queda e aportei pesado nela dessa vez hehe!!! Espero colher os frutos lá na frente…

    Excelente empresa do ramo, parabens pelo resultado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile