Samsung recebe positivamente a exigência de apps nacionais

Uma das fabricantes instaladas no Brasil que mais apoia o desenvolvimento de apps nacionais é reconhecidamente a Samsung. Robson Lisboa, executivo responsável por parceiras de conteúdo móvel da fabricante na América Latina, recebeu positivamente a notícia da exigência de apps brasileiros em smartphones para que estes sejam contemplados com incentivos fiscais. "Vemos (essa medida) com extrema alegria, porque desenvolve o mercado nacional. É um estágio de maturidade do governo brasileiro", avalia.

Lisboa destaca que a Samsung já trabalha há dois anos e meio em parcerias com provedores locais de conteúdo, por meio de investimento direto, sem benefícios fiscais. Ele cita os exemplos das parcerias com a Ediouro e a Grow, que possibilitaram a criação de apps da revista Coquetel e do jogo Perfil, respectivamente. Outro exemplo é a oferta dos aplicativos das revistas Veja, Superinteressante, Alfa e Cláudia em tablets da companhia com seis meses de assinatura grátis.

A Samsung, contudo, alguns meses atrás alterou sua estratégia de embarque de conteúdos. A empresa parou de customizar a inclusão de apps locais em sua fábrica, por causa dos custos na linha de produção. Mas promete lançar em breve um novo mecanismo mais econômico de instalação de apps de parceiros. "Vamos cumprir as regras estabelecidas na portaria. E seremos um dos primeiros na fila na área do gargarejo (para aprovar os projetos de smartphones)", garante Lisboa.

Desenvolvedores

A respeito das preocupações de desenvolvedores nacionais de que o texto da portaria seria vago, sem especificar a quantidade ou o tipo de aplicativos que os fabricantes precisarão embarcar, Lisboa as considera legítimas. "É difícil para o governo conseguir de primeira cercar todas as possibilidades de coisas que podem acontecer em determinado segmento. Sabemos que ajustes virão ao longo do caminho", comenta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.