Presidente da ST-Ericsson deixa o cargo

A ST-Ericsson anunciou a saída de Didier Lamouche da presidência e diretoria executiva da companhia. Segundo comunicado emitido nesta segunda, 11, o ex-CEO decidiu se afastar "para perseguir outras oportunidades". Lamouche vai permanecer na companhia até o dia 31 de março, mas nenhum substituto foi nomeado até o momento.

O presidente da Ericsson e membro do conselho de diretores da divisão, Hans Vestberg, afirmou que o executivo havia assumido a companhia em uma situação "muito desafiadora" e que a trouxe a um ponto mais focado na execução de estratégia, saindo em um "momento positivo" e deixando novos modems LTE prontos para serem introduzidos ao mercado neste ano.

Na verdade, a joint venture da STMicroelectronics com a Ericsson não está tão bem assim. No último balanço financeiro divulgado pela Ericsson, a dívida da divisão de plataformas móveis e semicondutores causou um impacto significativo na fornecedora sueca. Com uma baixa contábil de 8 bilhões de coroas suecas (US$ 1,2 bilhão), a ST-Ericsson ajudou a Ericsson a registrar um prejuízo de 6,3 bilhões de coroas suecas, ou US$ 990 milhões, no último trimestre de 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.