Autorizadas e concessionárias diminuem diferença na telefonia fixa em novembro

Foto: ElasticComputeFarm/Pixabay

Dados divulgados pela Anatel nesta semana mostram que o serviço de telefonia fixa se manteve em queda no mês de novembro, ficando com um total de 28,9 milhões de linhas ativas do serviço. A queda representa 1,2% a menos de linhas quando comparada com o mês de outubro. A região Norte foi a única que registrou um pequeno aumento na quantidade de assinaturas do serviço, de 0,2% no mesmo período.

A quantidade de linhas ativas por empresas que operam na modalidade de concessão e de autorização do serviço de telefonia fixa está cada vez mais próxima. Atualmente, dos 28,9 milhões de linhas ativas do STFC, 14,5 milhões são de empresas concessionárias e 14,4 milhões são de operadoras autorizadas.

Em ambas as modalidades, mais de 26 milhões das linhas de telefonia fixa ativas são ofertadas por empresas de grande porte.

Notícias relacionadas

A densidade de linhas (quantidade de linhas ativas a cada 100 habitantes) em novembro ficou em 13,7 linhas. O Distrito Federal continua sendo a unidade da federação com maior densidade, com 72,29 linhas a cada 100 habitantes. O Maranhão continua como o estado com menor densidade, com 10,76 linhas ativas a cada 100 habitantes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.