Cisco lança solução de contact center na nuvem pública com servidores no Brasil

A Cisco lança na América Latina a nova ferramenta baseada na plataforma de comunicação da empresa, o Webex Contact Center. A solução da companhia, anunciada nesta quinta-feira, 10, será nativa na nuvem pública, utilizando para toda a América do Sul servidores localizados no Brasil – no México e no Caribe, os data centers serão nos Estados Unidos por conta da distância física.

Para tanto, a fornecedora contratou dois data centers brasileiros, um no Rio de Janeiro e outro em São Paulo. "Vamos atender o ponto de presença de toda a parte de gravação, DVR e voz no Equinix, e a parte de aplicação será na Amazon", destaca a Gerente de Desenvolvimento de Negócios de Contact Center da Cisco para a América Latina, Rosângela Crepaldi.

O Brasil também é uma localidade de destaque na plataforma por já ter o recurso de chamadas, o Webex Calling. Com a nova solução de contact center, a Cisco brasileira já está negociando com sete parceiros, prevendo chegar a dez no começo de janeiro. "Estamos focados em atrair os parceiros", diz Crepaldi.

Notícias relacionadas

Assim como a atualização do Webex, a solução para o mercado corporativo também trará tradução simultânea por inteligência artificial para os idiomas português, mandarim, espanhol, alemão, francês, arábico, russo, holandês e japonês. "Qualquer estudante em qualquer lugar do mundo poderá ter um treinamento em inglês mesmo sem o domínio do idioma", destaca o gerente de engenharia de sistema de colaboração da Cisco, Marcelo Moreiro. 

Além disso, a plataforma traz atendimento omnichannel, integrando voz, chat e email, e mesmo com outras aplicações. "Por um WhatsApp ou outro sistema, o cliente entra em uma URA digital com toda a AI que é capaz de identificá-lo, verificar os pedidos e o que ele estava consultado no site, para dar uma sequência de inteligência para resolver o problema", afirma Moreiro. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.