Apple apresenta iPhone colorido e mais barato, o 5C

Os rumores de mercado estavam certos: a Apple criou um iPhone mais barato, o 5C, apresentado nesta terça-feira, 10, junto com seu novo top de linha, o 5S. O objetivo é expandir o público-alvo da Apple em smartphones, que estava restrito ao mercado com alto poder aquisitivo. O iPhone 5C vai custar US$ 99 (16 GB) ou US$ 199 (32 GB), em preços subsidiados para contratos de dois anos com operadoras norte-americanas. A versão mais barata do 5C, portanto, custa metade daquela mais barata do 5S. Os preços sem subsídio não devem fazer do iPhone 5C uma opção verdadeiramente acessível para usuários pré-pagos em mercados emergentes: sem contrato, o aparelho sai por US$ 549 no modelo de 16 GB e US$ 649 na versão de 32 GB.

O hardware do 5C está longe de ser o de um smartphone low end. Mesmo entre aqueles de gama média, sua configuração é relativamente alta. O aparelho é 4G (compatível com as redes brasileiras) e vem com processador A6, câmera traseira de 8 MP e frontal de 1.2 MP, tela de 4 polegadas (igual ao iPhone 5) e tecnologia Retina para o display.

O iPhone 5C é praticamente tão bom quanto o antigo modelo top de linha da Apple, o iPhone 5, que, aliás, foi descontinuado. Por outro lado, a empresa continuará a oferecer o iPhone 4S, ainda mais barato: de graça para contratos de dois anos das operadoras norte-americanas e por US$ 450 na versão 8 GB.

Uma diferença visível está no design. O 5C será oferecido com cinco opções de cores (branco, azul, amarelo, rosa e verde), que poderão ser combinadas com várias outras de capas oficiais lançadas pela Apple. Outra grande mudança é o material: apesar de continuar com a antena de metal que contorna o aparelho e serve como reforço da estrutura, a carcaça é construída em plástico.

 

O iPhone 5C entrará em pré-venda nesta sexta-feira, 13. E chegará às lojas dos EUA e de outros nove países no dia 20. No resto do mundo a novidade deve vir somente no fim do ano.

A letra C

A Apple não explicou o que significa a letra C agregada ao nome do produto. Em tom de brincadeira, analistas diziam que seria C de "cheap" ("barato", em inglês). Outra possível referência seria à China, pois este é o primeiro modelo de iPhone que chegará às lojas chinesas ao mesmo tempo que às norte-americanas. O mais provável, contudo, é que a letra em questão se refira às variadas cores do produto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.