Publicidade
Início Newsletter Algar conta com Surf para MVNO em expansão de modelo de franquias

Algar conta com Surf para MVNO em expansão de modelo de franquias

Foto: Pixabay

A expansão da operação de franquias da Algar Telecom para além da área de concessão da operadora em Minas Gerais tem a Surf Telecom como parceira para habilitação de operadoras móveis virtuais (MVNO).

Participando de evento virtual promovido pelo portal Tele.Síntese nesta quinta-feira, 10, a diretora da Algar Telecom Franquias, Ana Flávia Martins, reiterou que a expansão da vertical está em curso, incluindo com lançamento de clusters em cidades como Cravinhos, Sertãozinho e São Carlos (todas em São Paulo).

“Na expansão ao varejo com modelo de franquias, temos a oferta de banda larga associada ao serviço de voz e dados em parceria com a Surf, que é complementar ao nosso”, afirmou Martins, citando a parceira agregadora de MVNOs.

Notícias relacionadas

A empresa ainda espera que a aquisição da Vogel Telecom colabore com o crescimento das franquias fora da área de atuação da Algar. Na região de concessão, o modelo já está presente em 79 das 87 localidades atendidas pela operadora a partir de 11 franqueados distintos.

Interesse

Presente no debate, o diretor comercial da Surf Telecom, Alessandro Pisa, notou que o número de provedores regionais de Internet (ou ISPs) interessados em soluções de rede móvel tem crescido consideravelmente.

Dessa forma, mesmo com a intenção da empresa em participar do leilão de 5G e ampliar sua rede própria, a vertical de habilitação de MVNOs não será deixada de lado, segundo o executivo.

“Temos capacidade de atender bastante gente e gostaríamos de atender ainda mais. Estamos pegando tração para isso e o modelo regulado está bastante adequado. Não tenho dúvida que as novas possibilidades de mercado vão fazer aumentar o número de MVNOs“, afirmou Pisa durante o evento.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile