Embratel suspeita estar pagando mais que Intelig no co-billing

A Embratel acha que está pagando mais que a Intelig pelo serviço de emissão de contas conjuntas com operadoras locais. "Não temos certeza, mas a Anatel já informou que irá investigar", relata o gerente geral de interconexão da Embratel, José Roberto Pinto. Pela regulamentação, o tratamento deveria ser isonômico. E, se levado em conta que a Embratel tem mais clientes que a Intelig, ela poderia até ter um ganho de escala e pagar um pouco menos, alega José Roberto. A Embratel já fechou contratos de co-faturamento com CTBC, Telemar e, mais recentemente, Telefônica. Com as duas últimas o acordo só foi possível depois que a Anatel intercedeu. Enquanto isso, as negociações com Brasil Telecom seguem sem avanços, pois, segundo o executivo, a operadora local quer cobrar muito caro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.