FCC quer liberar espectro não-licenciado para melhorar conexão Wi-Fi

A FCC, órgão regulador das comunicações nos Estados Unidos, quer aumentar a velocidade da conexão Wi-Fi e, com isso, aliviar o congestionamento em importantes hubs, como aeroportos ou locais onde acontecem grandes eventos.

Notícias relacionadas

A informação é do presidente da agência, Julius Genachowski, que falou nesta quarta-feira, 9, na CES, que acontece esta semana em Las Vegas. Segundo ele, a medida também ajudará a aumentar a velocidade nas redes residenciais, onde cada vez mais dispositivos estão conectados simultaneamente. Com isso o órgão regulado pretende liberar mais espectro não-regulado para uso do chamado Gigabit Wi-Fi.

Entre os principais motivos que levaram a FCC a investir na comunicação mais rápida, disse Genachowski, está o aumento da capacidade de distribuição de vídeo HD.

A primeira medida, diz o regulador, acontecerá no próximo mês, quando a FCC pretende liberar 195 MHz no espectro de 5 GHz. Será, diz ele, o maior bloco de espectro não-licenciado a ser liberado para o Wi-Fi desde 2003.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.