TIM e TIP iniciam testes em ambiente de OpenRAN no Inatel

A TIM anunciou nesta sexta-feira, 9, o início do trabalho conjunto com o Telecom Infra Project (TIP) e o Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel) para testes de fornecedores de redes de acesso abertas e desagregadas (OpenRAN).

Parte do programa Open Field e localizado no campus do Inatel, em Santa Rita do Sapucaí (MG), o ambiente de campo deve reunir fabricantes de software, hardware, operadoras, academia e membros dos grupos de trabalho do TIP (consórcio liderado pelo Facebook para promoção de novas soluções em redes de telecom). A ideia é verificar o desempenho do OpenRAN "em condições mais semelhantes à de uma rede comercial".

"Com o programa Open Field, acreditamos que podemos ter melhor visibilidade sobre o que o ecossistema aberto pode oferecer. Queremos que ele amadureça, incentivando a concorrência e estabelecendo ambientes e iniciativas de desenvolvimento", afirmou o CTO da TIM, Leonardo Capdeville, em comunicado emitido pela operadora.

Nova maneira

O executivo também destacou o potencial visto pela indústria de telecom no OpenRAN. "Temos uma nova maneira de lidar com a tecnologia, desacoplando hardware e software e permitindo a integração de diferentes fabricantes em uma rede aberta". O novo modelo de redes está no radar de concorrentes e no meio do debate geopolítico sobre fornecedores de telecom. Há uma semana, o próprio presidente da TIM Brasil, Pietro Labriola, defendeu que o País crie uma estratégia para de tornar referência em OpenRAN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.