Embratel lança serviço de consultoria em LGPD para pequenas e médias

A Embratel anunciou nesta quarta-feira, 9, o lançamento de um serviço de consultoria para auxiliar pequenas e médias empresas no atendimento à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). A avaliação de riscos será realizada de forma remota pela operadora, a partir de videoconferências.

A alternativa (chamada de Quick Assessment LGPD) é uma versão compacta do serviço de consultoria já prestado pela Embratel para clientes corporativos de maior porte. No processo, são identificados "gargalos de não conformidade" por meio de entrevistas técnicas e funcionais com representantes da empresa

"A Embratel avalia diversas informações para compreender o ciclo de vida de dados pessoais, desde a coleta, armazenamento, utilização e eliminação", explicou a prestadora de serviços. "O processo permite realizar um diagnóstico geral de todos os elementos envolvidos nas operações de tratamento de dados pessoais, como procedimentos, sistemas e infraestrutura de TI". A operadora afirma que também poderá ser contratada para atuar nas etapas de implementação das iniciativas recomendadas.

Adaptação

"A adaptação às regras, para quem ainda não começou, deve ter início imediato em função da complexidade do processo de adequação e do tempo hábil necessário para a execução das ações", defendeu a Embratel. No momento, a previsão é que a aplicação de sanções por conta da LGPD comece em agosto de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.