Telefônica investirá em fundo de venture capital da Redpoint Eventures

A Telefônica anunciou nesta segunda-feira, 9, que está reforçando sua estratégia de investimentos em fundos de venture capital dentro de mercados relevantes para a companhia, incluindo o Brasil. Por aqui, um novo aporte (cujo valor não foi divulgado) será realizado em um fundo da Redpoint Eventures, gestora que investe em startups de tecnologia na América Latina.

Fundada em 2012, a parceira apoia primeiras rodadas de financiamento de empresas nascentes e já gere mais de R$ 1,2 bilhão a partir de portfólio que inclui operações como a Rappi, Creditas, Gympass e Resultados Digitais. No caso da Telefônica, a busca será por startups "com tecnologias inovadoras para aumento de receita com novos produtos ou para melhorar a eficiência interna, como um fornecedor".

As áreas prioritárias são consumo digital, transformação digital, redes 5G, cibersegurança, nuvem, inteligência artificial, IoT, blockchain e fintechs, entre outras. Os investimentos serão feitos por meio do Telefónica Innovation Ventures (TIV), veículo de corporate venture capital da Telefónica que também investe diretamente em startups.

Os aportes diretos ocorrem desde 2007, com o portfólio atual da empresa reunindo 10 startups dos EUA, Espanha, Canadá, Israel e França. Já as parcerias com gestoras de fundos vêm desde 2012 e acumulam mais de 80 startups investidas ao lado de 12 fundos, incluindo dois da InvestTech no Brasil.

Hub de inovação

Nesta nova fase, as gestoras parceiras trabalharão em conjunto com equipes locais da operadora ou da Wayra, o hub de inovação aberta do grupo Telefónica. Na ocasião, a companhia também anunciou que a Wayra dobrará o ticket aportado em startups, passando a investir até R$ 1 milhão (250 mil euros) por empresa. Os investimentos acontecem durante o ano todo, sem períodos específicos para inscrição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.