Acordo com a Oi puxa resultado da SES no trimestre

A operadora de satélites SES apresentou seus resultados do terceiro trimestre e o consolidado de janeiro a setembro de 2013. As receitas totais no ano até agora (YTD, year to date) chegaram a 1,378 bilhão de euros, crescimento de 2,4% em relação ao mesmo período do ano anterior, descontada a variação cambial. O EBITDA YTD foi de 1,009 bilhão de euros, crescimento de 0,8% sem variação cambial.

O crescimento inclui as transmissões analógicas, que foram extintas na Alemanha em abril de 2012, o que afeta os dados de crescimento. Excluídas estas operações, as receitas no período cresceram, a câmbio constante, 5,7%, e o EBITDA 5,3%.

A área internacional foi a que apresentou maior crescimento, puxada pela negociação da maior parte da capacidade do satélite SES 6 pela Oi. As receitas internacionais da companhia cresceram 12,5% no período (já excluídas as operações analógicas).

Trimestral

No trimestre encerrado em setembro as receitas da SES cresceram 2,9% em relação ao mesmo período do ano anterior, descontada a variação cambial, chegando a 467,7 milhões de euros. O EBITDA cresceu 3,2% e o resultado operacional, 5%.

A empresa lançou este ano o SES-6 (junho) e o Astra 2E (setembro), e ainda planeja lançar as naves SES-8, ainda este mês, e Astra 5B, em dezembro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.