África e Ásia puxarão crescimento da receita de SVA das teles nos próximos cinco anos

A receita mundial das operadoras celulares com serviços de valor adicionado (SVA) está desacelerando, informa um estudo da Ovum. A empresa de pesquisas projeta que o crescimento médio anual do faturamento desse segmento entre 2013 e 2018 será de apenas 10%. Esse aumento será puxado por mercados que estão atrasados tecnologicamente, onde a maior parte da base de aparelhos ainda é composta por feature phones de segunda geração. A região da Ásia-Pacífico vai liderar o crescimento, com média anual de 13%, seguido pela região do Oriente Médio e África, com 12% ao ano. Enquanto isso, na Europa, onde a maior parte da base já é composta por smartphones, as operadoras vão amargar uma redução média anual de 7% em suas receitas de SVA entre 2013 e 2018.

A África é considerada um mercado prioritariamente móvel, onde a maioria dos consumidores tem acesso ao mundo digital primeira e unicamente pelo celular, antes de terem computadores pessoais. Nesse mercado, ainda há espaço para a venda de serviços de entretenimento e personalização móveis. No resto do mundo, a saída para as teles tem sido o desenvolvimento de SVAs em novas áreas, como pagamentos móveis, segurança, automação residencial e outras.

Análise

No Brasil as teles estão no meio do caminho do desenvolvimento da indústria de conteúdo móvel, entre África e Europa. As receitas com SMS e outros serviços ainda crescem, mas começam a ser ameaçadas pela popularização dos smartphones promovida pelas próprias operadoras. Como solução, as teles nacionais apostam em serviços de educação e saúde, cuja percepção de valor é maior junto aos usuários e que contam com forte apelo nas classes C e D, que são mal atendidas pelo Estado nessas áreas e cujo apertado orçamento familiar é uma barreira para a adoção de serviços particulares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.