Operadoras de telecom investiram R$ 7,2 bilhões no segundo trimestre

O investimento das principais operadoras de telecom do Brasil alcançou R$ 7,2 bilhões durante o segundo trimestre de 2020, revelaram dados do SindiTelebrasil divulgados nesta terça-feira, 8. O valor é 4,3% maior que o montante registrado no primeiro trimestre, mesmo com o impacto mais forte da pandemia de covid-19 no período.

Dessa forma, nos seis primeiros meses do ano foram investidos R$ 14,1 bilhões pelas principais prestadoras de serviços de telecom. De acordo com o SindiTelebrasil, esse valor semestral superou a média do período nos últimos cinco anos, ou R$ 13,9 bilhões em valores reais.

Já a receita bruta do setor de telecom somou R$ 118,4 bilhões no primeiro semestre. Os números ficaram praticamente estáveis em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram somados R$ 119,6 bilhões em receita bruta.

Desde a privatização do sistema de telecom brasileiro, em 1998, as principais operadoras investiram mais de um trilhão de reais (R$ 1,075 trilhão) em valores atualizados, incluindo o pagamento de outorgas.

Entraves

Para o presidente executivo do SindiTelebrasil, Marcos Ferrari, os resultados têm demonstrado que o setor é "robusto e tem respondido bem" ao forte impacto da pandemia na economia brasileira.

Ainda assim, o dirigente lamentou a existência de "entraves" como a carga tributária média do setor, de 47%. "Nos 15 países do mundo com mais acesso à banda larga, o imposto médio é de 10%", acrescentou Ferrari.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.