NSN tem lucro de 136 milhões de euros no segundo trimestre

Com o recente nome de Nokia Solutions and Networks, a empresa finlandesa divulgou nesta quinta-feira, 8, seus resultados referentes ao segundo trimestre deste ano. A fornecedora teve um lucro operacional de 136 milhões de euros, o que representa uma melhora se compararmos com o prejuízo de 225 milhões de euros registrados no mesmo período do ano passado.

A receita total foi de 2,75 bilhões de euros, uma queda de 1,5% em relação ao primeiro trimestre e de 14,7% comparada ao ano passado. Em comunicado, a NSN explica que a queda anual se deu por conta de menos investimentos de negócios fora do foco estratégico da empresa e pela saída de alguns clientes e países.

Regionalmente, os fatores foram as quedas nas vendas na Ásia e Europa. No Japão, as vendas caíram após um alto investimento em infraestrutura realizado no ano passado, enquanto na China, a queda se explica pelos gastos limitados das operadoras em antecipação à mudança para a tecnologia TD-LTE. A região, compilada pela empresa como Ásia, Oriente Médio e África, apresentou receitas de 1,29 bilhão de euros. A Europa e a América Latina, também apresentadas juntas, foram responsáveis por 1,12 bilhão de euros. A América do Norte teve 343 milhões de euros em receita, o que representa uma queda de 14,5% em relação ao primeiro trimestre.

A área de serviços globais da NSN representou 53% da receita total, com 1,45 bilhão de euros, embora o setor de banda larga móvel tenha apresentado um resultado similar, com 1,28 bilhão de euros. “Nosso quarto trimestre consecutivo de forte rentabilidade foi prova do excelente desempenho dos segmentos de banda larga móvel e serviços globais”, disse em comunicado Rajeev Suri, CEO da NSN.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.