nTime quer lançar chat de voz entre celular e televisão

A integradora de serviços de conteúdo nTime, dona do programa Chat TV, que exibe mensagens de texto (SMS) enviadas pelos telespectadores e exibidas na tela da televisão, está negociando com uma empresa do Rio de Janeiro uma inovação do serviço. Trata-se da inclusão de chat via voz por celular, que funcionará com um número telefônico que ficará à disposição do público, como uma sala privada de bate-papo. O objetivo é que após trocar SMS pela TV, com as mensagens abertas a toda a audiência, e seguir para a sala privada de bate-papo via texto, os interessados possam conversar por telefone mantendo ainda a privacidade dos números de seus celulares até que decidam se já é o momento de divulgá-los. O recurso depende de parcerias com fornecedores de tecnologia e ainda não há previsão para lançamento, disse Carlos José de Campos Matos, da nTime, que participou nesta quarta-feira, 8, da ABTA 2007, que prossegue até esta quinta-feira, em São Paulo.
O Chat TV, lançado em 2005 na Net, está disponível também na TVCom (RBS) e TVJB. Conta com 400 mil participantes únicos cadastrados que geram 20 mil mensagens por dia. Matos aposta no crescimento do serviço e aumento da receita (não revelada) assim que conquistar mais emissoras de TV e atrair anunciantes. Ele garante que está prestes a viabilizar o card-door, um espaço publicitário que fica presente na tela da TV, para transmitir propaganda interativa com a audiência. O acordo está em negociação com uma operadora de telefonia móvel e um fabricante de handsets.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.