Microsoft demitirá 7,8 mil funcionários e promete repensar sua estratégia em mobilidade

A Microsoft vai demitir ao longo dos próximos meses 7,8 mil funcionários ao redor do mundo, principalmente na área de handsets. O anúncio foi feito por email aos empregados pelo CEO da companhia, Satya Nadella.

Notícias relacionadas
As demissões fazem parte de um processo de reformulação da estratégia da empresa em mobilidade. Nas palavras do executivo, a Microsoft deixará de ter uma atuação isolada em celulares para passar a fomentar o desenvolvimento de um ecossistema Windows mais completo, o que incluirá smartphones.

"Estou comprometido com a nossa produção própria de aparelhos, incluindo telefones celulares. Porém, temos que concentrar nossos esforços em futuro próximo no propósito de nos reinventarmos (nesse setor). Estamos migrando de uma estratégia de crescimento de celulares como um negócio isolado para uma estratégia de criação e crescimento de um ecossistema vibrante em Windows, o que incluirá uma família de aparelhos com desenvolvimento próprio", escreveu Nadella no email.

Em um primeiro momento, a Microsoft vai reduzir seu portfólio de celulares, concentrando-o em três segmentos: corporativo; modelos de entrada; e flagships com Windows. Depois, a Microsoft vai trabalhar na construção de novas categorias de produtos móveis, trazendo inovação para o mercado, disse o executivo.

Perdas

Junto com as demissões e a promessa de uma nova estratégia em mobilidade, a Microsoft informou que vai reconhecer contabilmente as perdas de US$ 7,6 bilhões em valor relacionadas a ativos adquiridos da Nokia, além de um custo extra de reestruturação que vai girar entre US$ 750 e US$ 850 milhões.

Brasil

Procurada por MOBILE TIME, a Microsoft Brasil confirmou que a operação no País vai sofrer reflexos do corte global. No entanto, a companhia não informou quantas demissões acontecerão no País e nem se haverá fechamento de sua fábrica em Manaus. Além dos smartphones, a instalação produz as unidades dos videogames Xbox 360 e Xbox One.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.