Publicidade
Início Teletime Apple perde briga com Amazon pelo termo "AppStore"

Apple perde briga com Amazon pelo termo "AppStore"

Decisão do Tribunal Federal da Califórnia garantiu à Amazon o direito de manter o nome de sua loja de aplicativos para Android como “AppStore”. Nesta semana a juíza norte-americana Phyllis Hamilton negou o pedido da empresa de Steve Jobs para proibir o uso do termo “App” pela gigante do varejo online, alegando uma possível violação de patente.
Para Hamilton, as alegações da Apple sobre o caso são pouco conclusivas, provando apenas que eram válidos dois dos oito critérios estabelecidos para caracterizar uma infração nesta área. A declaração da magistrada veio após analisar os documentos anexados ao processo por ambas as empresas.
A disputa entre Apple e Amazon pelo nome “AppStore” teve início há três anos, após a fabricante do iPhone ver negado seu pedido de registro da marca para sua loja de aplicativos, em meados de 2008. À época, a Microsoft entrou na Justiça e barrou a iniciativa de Steve Jobs, ao alegar que o termo é genérico demais para ser registrado.

Notícias relacionadas
Entre as argumentações usadas pela Apple para impedir a Amazon de abrir uma loja virtual com o nome “AppStore for Android” é de que duas companhias usando o termo confundiria os usuários. Em sua defesa a Amazon também afirmou que "AppStore" é um termo genérico e acrescentou que o "for Android" evitaria qualquer confusão por parte dos consumidores.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile