Telecomunicações terá prioridade em financiamentos

Mesmo que a demanda por recursos tenha atingido US$ 24 bilhões, ultrapassando em mais de 30% o orçamento do BNDES para este ano (US$ 17 bilhões), o banco oficial garante que vai atender às prioridades do setor de telecomunicações. Ou seja, inicialmente financiará a telefonia e, após o fim do processo licitatório, financiará a TV paga. No momento, por exemplo, estão sendo estudados os pedidos da Solectron (placas de computador para telefonia), Harris (estações radiobase), Brasilsat (estações radiobase e antenas) e Nortel. Estão em vias de liberação os créditos para a Lucent, Ericsson e Andrews.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.