Vivo fecha acordo e pode se tornar sócia da CDF, de assistência técnica

Em comunicado ao mercado nesta quinta-feira, 8, a Vivo anunciou um acordo vinculante com a CDF Assistência e Suporte Digital para oferta conjunta de serviços. A depender do atingimento de metas, a operadora deterá o direito de adquirir uma participação minoritária no capital social da CDF.

O modelo é similar ao acordado com a Dotz no fim de março. "Esta iniciativa reforça o posicionamento da Vivo como um hub de serviços digitais, atendendo a todas as necessidades de tecnologia de seus clientes, além de aumentar a participação da companhia em negócios de alto valor", afirmou a operadora.

A CDF atua como marketplace de suporte tecnológico, serviços de instalação e assistência residencial. No dia 17 de março, a empresa protocolou um pedido de oferta pública inicial de ações (IPO), no qual reportou base de cerca de 9,1 milhão de clientes ativos e receita líquida de R$ 175 milhões em 2020.

Notícias relacionadas

As verticais que a Vivo espera explorar incluem a configuração de redes WiFi e física e a instalação e configuração de dispositivos inteligentes, "os quais terão forte crescimento em função da evolução esperada da internet das coisas (IoT)". A companhia afirmou que manterá acionistas e o mercado em geral informados sobre a evolução da parceria, de acordo com a regulamentação em vigor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.