SES, Hughes e Thales anunciam parceria para conectividade em voos

Foto: Divulgação Thales Alenia

 

SES, Hughes e Thales anunciaram nesta quarta-feira, 8, acordos estratégicos voltados à comunicação embarcada em voos comerciais para as Américas, embora inicialmente focado na região dos Estados Unidos, Canadá e México. A parceria prevê a contratação de capacidade em banda Ka dos satélites de alto throughput (HTS) da Hughes EchoStar XVII e EchoStar XIX, que complementarão o AMC-15 e AMC-16 da SES para dar redundância à plataforma FlytLIVE da Thales para a América do Norte. A SES ainda deverá comprar gateways da Hughes na plataforma Jupiter, permitindo o lançamento norte-americano da solução para aviões ainda neste ano.

Notícias relacionadas

A parceria tripartite deverá ainda incluir no sistema compatibilidade com o satélite HTS de banda Ka SES-17, que deverá ser lançado em 2020 e que é "otimizado para conectividade na aviação". Esse equipamento, encomendado pela operadora em setembro do ano passado à fabricante Thales, também terá cobertura nas Américas e Oceano Atlântico. O FlytLIVE está em fase de testes, mas deverá ser lançado neste ano e promete conectividade de Internet completa, incluindo streaming de vídeo, TV ao vivo, games e redes sociais, e estará disponível na América do Norte, América do Sul, Caribe e na região do Oceano Atlântico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.