Controladora da Claro avança na receita em 2021

Foto: Pixabay

Controladora da Claro, o grupo mexicano América Móvil registrou números positivos no balanço financeiro consolidado de 2021, divulgado nesta terça-feira, 8. A receita da operadora brasileira também saiu e pode ser conferida clicando aqui.

A receita da companhia aumentou 7,7% no trimestre, totalizando 227,318 bilhões de pesos mexicanos (US$ 11,031 bilhões). No acumulado do ano, a empresa cresceu 1,9%, total de 855,535 bilhões de pesos (US$ 41,517 bilhões). 

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) subiu 16,6% no trimestre e 6,7% no ano. Com isso, somou, respectivamente, 89,810 bilhões de pesos (US$ 4,36 bilhões) e 328,760 bilhões de pesos (US$ 15,95 bilhões). A margem também cresceu no trimestre, ficando em 39,5% após avanço de 3 pontos percentuais. No acumulado do ano, o aumento foi de 1,7 p.p., chegando a 38,4%. 

Notícias relacionadas

Entre outubro e dezembro do ano passado, o lucro líquido de operações continuadas do grupo foi de 22,902 bilhões de pesos (US$ 1,11 bilhão), recuo de 30%. No ano, contudo, acumulou 70,712 bilhões de pesos (US$ 3,43 bilhões), mais do que dobrando (136,8%) o registrado em 2020. 

Porém, considerando a Tracfone (MVNO do mercado norte-americano de pré-pago vendida para a operadora Verizon em 2020), o lucro líquido da AMX foi de 135,589 bilhões de pesos (US$ 6,58 bilhões) no trimestre e 196,025 bilhões de pesos (US$ 9,51 bilhões) no consolidado de 2021. 

Em comunicado, a América Móvil ressalta que a expectativa do crescimento da inflação no mercado norte-americano e nas taxas de juros levaram a incertezas no mercado e acabaram provocando volatilidade nos pesos mexicano, colombiano e chileno. 

Deixe seu comentário