ERBs serão nacionalizadas

De qualquer forma, é interesse da Nokia Networks e da Celestica enquadrar as ERBs no Plano Produtivo Básico (PPB) o que dá incentivos fiscais à sua produção. Embora ainda esperem os últimos episódios da novela regulamentar que se tornou o incentivo à produção de equipamentos eletrônicos fora da Zona Franca de Manaus, os executivos da Nokia afirmam que o contrato com a Celestica, que está baseada em São Paulo, está garantido. Os termos do contrato, como duração, valor e estimativa de produção, não foram revelados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.