Vivo cresce em pós-pago, mas no acumulado do ano há perda de base total

A análise do segmento de serviços móveis no balanço da Telefônica/Vivo divulgado nesta quinta, 7, mostra um leve crescimento (0,5%) no total de acessos móveis no trimestre, para 76,6 milhões de clientes, mas no acumulado do ano a Vivo perdeu base em relação ao mesmo período de 2012 (0,2%). O crescimento de 23,3% no ano da base pós paga (22,1 milhões de clientes) não compensou a queda de 7,3% na base pré-paga (hoje 54,4 milhões de acessos).

Com esses resultados, a Vivo teve uma pequena queda de market share geral (1,1 ponto percentual a menos, chegando a 28,6% do mercado). No segmento pós-pago, a operadora reporta 38,9% de market share (2 pontos percentuais a mais em relação a 2012) e no segmento de minimodems o market share é de 49,6%. Fica evidente que a Vivo tem focado em expandir a base de clientes pós-pagos, com uma intensificação no terceiro trimestre, visando a um aumento da receita média por usuário (ARPU), e tem conseguido isso em alguma medida. A ARPU no terceiro trimestre foi de R$ 23,6, o que é 3,5% a mais em relação ao trimestre anterior. No ano, o ARPU está em R$ 23,2, o que é 4,7% a mais em relação a 2012.

No segmento de comunicação máquina-a-máquina (M2M), a Vivo reporta a marca de 2,1 milhões de acessos, o que é um crescimento de 12,6% no trimestre.

No segmento móvel, as receitas com uso estão em R$ 8,4 bilhões ao ano (aumento de 5,1% na comparação com 2012), as receitas com uso de rede estão acumuladas em R$ 2,4 bilhões (queda de 13,7% no ano em relação a 2012) e as receitas com dados e SVA acumulam nos nove primeiros meses do ano R$ 5 bilhões, um expressivo aumento de 23% em relação a 2012. Dessa receita de dados e SVA acumulada no ano, R$ 1,5 bilhão provém de mensagens (aumento de 8% no ano), R$ 2,7 bilhões provêm de acesso à Internet (aumento de 31 % no ano) e cerca de R$ 824 milhões vêm de outros serviços de valor adicionado (crescimento de 27,6% no ano).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.