Telecom Italia aprova oferta de 1,3 bilhão de euros em títulos

O board da Telecom Italia aprovou em reunião desta quinta-feira, 7, em Milão, a oferta de 1,3 bilhão de euros em títulos conversíveis obrigatórios subordinados e de taxa fixa garantida com prazo para novembro de 2016. A oferta, que visa arrecadar fundos para a companhia e flexibilizar sua posição financeira, consiste em títulos de ações ordinárias e de ações de reserva (saving shares bonds), ambas com mesmo prazo, mas com preferência pela emissão dos títulos de ações ordinárias "consistentes com a demanda de mercado". O período de bookbuilding começa com o anúncio e deverá terminar "assim que for possível em qualquer momento até a sexta-feira, 8 de novembro".

No comunicado, a holding italiana afirma que realizará uma assembleia geral extraordinária até fevereiro de 2014 para buscar a aprovação dos acionistas na emissão das ações convertidas e remoção dos valores. Uma vez aprovado, a companhia deverá comunicar aos detentores de títulos quando será a data de conversão. Caso não seja aprovada, a empresa terá dez dias após a assembleia para resgatar os títulos.

Os títulos terão vencimento em novembro de 2016, serão registrados ao valor de 100 mil euros cada. O montante final de cada série de emissão, cupons e valores premium deverão ser anunciados ainda antes da abertura da Borsa Italiana na sexta-feira, 8. Os preços máximo e mínimo de conversão das duas séries serão anunciados de forma separada após o fechamento da bolsa na mesma data.

A oferta é apenas para investidores institucionais, fora dos Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão. Os acionistas da Telecom Italia terão prioridade no processo.

Resultado financeiro

A empresa divulgou também seu resultado financeiro referente ao terceiro trimestre de 2013. As receitas da Telecom Italia somaram 6,629 bilhões de euros no período, redução de 8,19% em relação ao ano anterior. O EBITDA foi de 2,697 bilhões de euros, queda de 66% na comparação anual.

A companhia conseguiu um lucro de 613 milhões de euros no trimestre, queda de 11,93%. Entretanto, no acumulado dos nove meses do ano, a Telecom Italia ainda registra uma perda de 611 milhões de euros, contra lucro de 2,263 bilhões de euros nos nove primeiros meses de 2012.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.