Nos acessos fixos, Telefônica Vivo patina na voz e volta a crescer em TV

A base de acessos fixos de voz está em 10,6 milhões. No trimestre, até houve um leve crescimento (0,6%), mas no acumulado do ano o número é inferior ao registrado no mesmo período de 2012 (0,8%). Nesse mercado, houve uma queda maior no segmento residencial (2,7%, para 7 milhões de clientes) e um aumento de 4% no segmento corporativo (para 3 milhões de assinantes).

Na banda larga fixa, o terceiro trimestre fechou com 3,9 milhões de acessos, o que representa um crescimento de 1,2% em relação ao segundo trimestre e 3,4% no acumulado do ano em relação ao mesmo período de 2012. Hoje, a penetração de acessos banda larga sobre os acessos de voz da operadora é de 36,5%. A base de clientes com acesso por fibra está em 171 mil assinantes.

Já o segmento de TV paga, que vinha declinante, voltou a ganhar impulso. A Telefônica/Vivo fechou o terceiro trimestre com 588 mil assinantes, um aumento de 9,4% no trimestre, mas ainda abaixo em 5% em relação à base registrada no mesmo período de 2012.

Na divisão de receitas no segmento fixo (R$ 8,7 bilhões no acumulado do ano), o segmento de voz foi o que mais caiu (11,5%, para R$ 4,6 bilhões), o segmento de dados cresceu um pouco (1,5%, para R$ 2,7 bilhões) e as receitas com TV paga também tiveram queda (20,7%, para R$ 360 milhões no acumulado do ano).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.