Presidente da Sky defende concorrência com Telefônica

Para o presidente da Sky, Luiz Eduardo Baptista, "Bap", a entrada da Telefônica no mercado de TV por assinatura é benéfica, do ponto de vista da concorrência, mas com mudanças na legislação. "A chegada da Telefônica anima os concorrentes, desde que respeitadas as leis".
Segundo Bap, a regulamentação atual precisaria ser "revisitada". A Lei Geral de Telecomunicações, especificamente, foi formulada há dez anos e a Lei do Cabo, há 12. "Alguns viam a lei de um jeito, e hoje interpretam de outro", declara.
Ele faz ainda uma comparação da concorrência que existe hoje na TV por assinatura e na telefonia fixa. "Se eu estiver com problemas na TV por assinatura, posso procurar outra operadora. Se eu não estiver contente com o meu telefone, posso sempre me mudar para o Rio de Janeiro", diz, ironizando a falta de opções na telefonia fixa.
A Sky não detalha números, mas esse noticiário apurou que a empresa está sentindo de alguma forma o impacto da Telefônica no estado de São Paulo. Segundo uma fonte da empresa comentou a esse noticiário, o principal impacto são assinantes que saem da base da Sky atraídos pelo preço, mas que acabam voltando quando percebem que são produtos diferentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.