Telefônica reitera data limite para dissidência de acionistas

A Telefônica reiterou que não vai reconsiderar as deliberações tomadas na assembleia geral extraordinária de 28 de maio, quando foi aprovado o encerramento do prazo para acionistas manifestarem dissidência em relação à aquisição do total de ações da GVT Participações. Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta terça-feira, 7, em resposta a ofício da BMF&Bovespa de 1º de julho, a empresa diz que a data limite foi 30 de junho e que ela será mantida.

Com isso, o pagamento aos acionistas que exerceram direito de recesso será realizado na quarta, 8 de julho, conforme divulgado anteriormente. No caso de acionistas que tenham solicitado levantamento de balanço especial junto com o reembolso, o pagamento será efetuado no prazo e em conformidade com o disposto no parágrafo 2º do artigo 45 da Lei das S.A..

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.