Apple ganha fôlego na China com iPhone 6 e 6 Plus

No período de três meses entre dezembro de 2014 e fevereiro de 2015, a Apple conseguiu um avanço forte na China e na Europa graças à nova geração de iPhones, segundo informou a Kantar Worldpanel em seu estudo ComTech divulgado nesta terça-feira, 7. A venda de dispositivos iOS observou um crescimento de 9,7 pontos percentuais (p.p.), atingindo 27,6% de marketshare na região urbana do país asiático.

Notícias relacionadas
Segundo a empresa, o desempenho da Apple se deu por conta do lançamento do iPhone 6 e 6 Plus, deixando a fabricante em primeiro lugar de vendas, com a Xiaomi em segundo. Os aparelhos que também se provaram como impulsionadores da marca em todos os outros países estudados (que não inclui nenhum país da América Latina), com exceção aos Estados Unidos e Japão.

Apesar do crescimento no comparativo com o mesmo período de 2014, o iOS está em segundo lugar no mercado da China, com 27,6%. O líder isolado ainda é o Android, com 70,9% (retração de 9,4 p.p.). O Windows vem em terceiro com 0,8% (queda de 0,2 p.p.).

Na Europa, o Android perdeu 2,9 pontos percentuais do mercado no período, embora ainda tenha a maior fatia (67,6%). Segundo a Kantar, houve contração também pela expectativa do lançamento do Galaxy S6 e S6 Edge da Samsung, que acabou afetando as vendas do S5 na região (foram 8,7% das vendas totais). O iOS aumentou 2,9 p.p. e em fevereiro contava com 20,9% de marketshare. O Windows Phone aumentou 0,9 p.p. e contou com 10,1%.

Por sua vez, os Estados Unidos mostraram um mercado praticamente estável em relação ao mesmo período em 2014, com liderança do sistema do Google (55,6%, ou 0,4 ponto percentual acima), seguido de iOS (38,8%, queda de 0,5 p.p.) e Windows (4,8%, aumento de 0,3 p.p.).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.