TV paga perde base em novembro; fibra da Vivo supera DTH

Foto: Pixabay

O mercado de TV paga voltou a perder base em novembro, segundo dados da Anatel. O setor caiu abaixo dos 16 milhões de assinantes pela primeira vez desde novembro de 2012 e fechou novembro de 2019 com 15,92 milhões de clientes, o que representou uma queda anual de 9,7%. No mês, a perda foi de cerca de 127,6 mil clientes. Nos meses de outubro e novembro houve uma desaceleração no ritmo de erosão de base, mas ainda assim é uma perda muito mais intensa do que a que se registrou ao longo do ano de 2018.

Entre as operadoras, novembro trouxe um fato a ser destacado: a Vivo TV, pela primeira vez, registrou uma base de clientes de TV paga por fibra (FTTH) superior à base de DTH, ainda que no cômputo final a operadora tenha apresentado perda em novembro. A Vivo fechou o mês de novembro com 1,336 milhão de clientes, uma perda de 20 mil clientes em relação a outubro. A operadora tem hoje 700 mil clientes com TV paga em FTTH.

A Sky fechou novembro com 4,71 milhões de clientes, com menos 37,5 mil usuários a menos em relação a outubro. A Claro fechou o mês com 7,84 milhões de assinantes, uma perda de 67,7 mil clientes no mês. Houve perda no DTH, que fechou o mês com 1,258 milhão de assinantes (menos 31 mil e relação a outubro) e também no cabo, com 6,58 milhões de assinantes (menos 36,7 mil em novembro). A Oi ficou estável em novembro, com 1,527 milhão de clientes. A Algar fechou novembro com pouco menos de 69 mil assinantes e as demais operadoras também mantiveram uma base de 439 mil clientes no mês.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.