Receita líquida da TIM cresce 18% no trimestre

A TIM Participações ampliou presença no mercado neste terceiro trimestre subindo de 25,1% de participação ante 24,3% registrada em junho. No anúncio sobre os resultados, o presidente da companhia, Mario César Pereira de Araujo destacou a liderança em adições líquidas no período: 1,7 milhão de novos clientes, ou 42,5% das adições líquidas do mercado. A receita líquida foi de R$ 2,7 bilhões, 18% superior ao trimestre anterior, devido principalmente ao maior recebimento de interconexão. A empresa mostrou forte avanço nese segmento, mesmo excluindo a mudança para o full bill.
A receita bruta de serviços no terceiro trimestre de 2006 foi de R$ 3,2 bilhões, 38% superior à registrada no mesmo período em 2005, resultando um crescimento anual acima de 20% excluindo-se os efeitos da eliminação do sistema bill & keep. Este crescimento é atribuído principalmente à expansão das receitas de voz ? beneficiada pelo incremento da base de clientes ? e pelo aumento da utilização de Serviços de Valor Agregado (VAS). O custo de aquisição de clientes (SAC) recuou 13,1% em relação ao segundo trimestre devido ao controle rígido dos subsídios. Segundo Alexandre Constantini, do Bear Stearns, a empresa mudou a forma como contabiliza o subsídio dos aparelhos pós-pagos, amortizando o valor ao longo de 12 meses, a partir do terceiro trimestre retroativo ao início de 2006. ?Com isso teve uma redução de R$ 136 milhões no custo (contábil) dos aparelhos?, disse o analista. Isso repercutiu no lucro líquido de R$ 20 milhões e no Ebitda de R$ 676,7 milhões, representando uma margem de 24,6%. Mesmo eliminando os impactos do subsídio de aparelhos e do fim do sistema de bill & keep, a margem Ebitda seria de 22,6%. O Arpu (receita média por usuário) de R$ 34,40 (aumento de 14% sobre o trimestre anterior) ficou bem acima do resultado das outras empresas celulares que registram em média Arpu de R$ 25.
Os bons resultados e a notícia de que a empresa recebeu duas propostas de compra fizeram a TIM Participações ON registraram alta de 9,26% na Bovespa cotadas a R$ 11,20. A TIM Participações PN também teve alta de 5,9% cotada a R$ 7,53. No pregão desta segunda-feira, 6, a Vivo PN também ficou entre as maiores altas do dia cotada a R$ 8,37 com um aumento de 5,28%.

Resultados da Telecom Italia

Embora registrando recuo de 9,5% no lucro líquido de janeiro a setembro, a Telecom Italia anunciou que seus lucros no terceiro trimestre registraram um aumento de 3,5%. O resultado líquido da operadora subiu de 850 milhões de euros, no terceiro trimestre de 2005, para 880 milhões de euros. As vendas cresceram 4,6% para 7,77 bilhões de euros. Segundo um índice de 24 empresas de telecomunicações, realizado pela Bloomberg, a operadora teve um dos piores desempenhos do ano. De janeiro a setembro o lucro líquido da companhia recuou 9,5% para 2,3 bilhões de euros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.