CPqD cria comitê de inovação com membros do governo, do empresariado e da academia

O CPqD formalizou nesta segunda-feira, 6, em Campinas (SP), um comitê de inovação para assessorar o conselho curador na definição das linhas de ação da entidade para pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica. O grupo, que foi convidado e nomeado pelo conselho, é formado por oito representantes dos setores empresarial, acadêmico e governo. O comitê é presidido pela professora da PUC-RJ e representante do Brasil na União Internacional de Telecomunicações (UIT), Marlene Pontes. José Gontijo, diretor do departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação Digital do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e Irecê Fraga Kauss, chefe de departamento do BNDES, representam o governo. Completam o time os professores Christian Rothenberg (Unicamp), Roberto Marcondes Cesar Jr (USP) e Enézio Antonio de Souza (Mackenzie); e os executivos Roberto Jacques de Medeiros (diretor sênior de desenvolvimento de produtos da Qualcomm) e Max Leite (diretor de inovação da Intel Brasil). O mandato será de dois anos, com possibilidade de renovação. A primeira das quatro reuniões anuais do comitê deverá acontecer no final de março.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.