Telefônica estabelece novas condições para emissão de debêntures

Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta segunda-feira, 5, a Telefônica avisou aos debenturistas que o conselho de administração aprovou condições para a segunda repactuação das debêntures da 2ª série da 4ª emissão pública. A decisão, tomada em reunião no último dia 22 de setembro, estabelece novo período de vigência da série de debêntures para 48 meses, a contar a partir do dia 15 de outubro deste ano até a mesma data em 2019. Nesse período não haverá nova repactuação, e as debêntures farão jus a uma remuneração de 98% da taxa CDI.

A data limite para que os debenturistas que não concordarem com as novas condições e manifestarem a opção de vender as debêntures à companhia será até a próxima sexta-feira, dia 9. O pagamento aos titulares das debêntures que assim desejarem será realizado no dia 15 sem acréscimo de prêmio de qualquer natureza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.