Claro lançará serviço com conteúdo esportivo em junho

A Claro está lançando mais um serviço de valor adicionado (SVA) em junho, desta vez focado em conteúdo esportivo. O Claro Esportes está em fase beta com colaboradores, segundo afirmou o diretor de marketing de SVA da operadora, Lucas Bonato, a este noticiário durante o 14º Tela Viva Móvel nesta terça, 5. "Estamos posicionando parte do conteúdo inclusive para ter também Olimpíadas", afirma – a tele é a fornecedora de infraestrutura de telecomunicações para o evento, que acontece no Rio de Janeiro em 2016.

Notícias relacionadas
Bonato explica que a plataforma estará disponível "a partir do próximo mês, mas ainda sem conteúdo das Olimpíadas". Conforme declara o executivo, a ideia é trazer também personalidades do meio esportivo, como atletas patrocinados pela Embratel, empresa do mesmo grupo da América Móvil. "E a Claro tem (o jogador de futebol e garoto-propaganda da operadora) Neymar", lembra ele.

Quando perguntado se a novidade também poderia se expandir para outros dispositivos além de smartphones e tablets, como wearables, Bonato afirmou que o Claro Esportes é "inicialmente só conteúdo", mas não descartou o desenvolvimento futuro de uma plataforma compatível com os vestíveis.

SVA não só para todos

Lucas Bonato explica que, apesar da popularização de smartphones, a Claro ainda conta com uma base legada de feature phone significativa, e que ainda precisa ser endereçada. "A nova geração de serviços já conta com apps, site móvel, interface Web rica, mas não deixamos de trabalhar a parte de SMS, portais de voz, formatando isso, respeitando as limitações do canal, para poder atuar com essa base legada", declara. "No momento em que o usuário mudar de device (para um smartphone), vai querer continuar usando o serviço."

O diretor de SVA destacou a plataforma de over-the-top (OTT) da América Móvil no Brasil e em outros países, como o Claro Música e Claro Vídeo, mas afirmou que a competição com outros OTTs não deve ser polarizada, mas complementar. "Competição sempre vai existir, mas algumas iniciativas vamos fomentar o mercado em conjunto", diz. "O usuário está no centro da tomada de decisão, vamos buscar todos os KPIs que o mundo digital nos traz", completa, citando ainda a necessidade de planejar conteúdo para wearables e smart TVs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.