Microsoft dividirá receita de publicidade móvel com operadoras

A Microsoft vai inaugurar um novo modelo de negócios para mobile advertising no Brasil: a empresa irá dividir sua receita de publicidade móvel com as operadoras celulares. Isso acontecerá a partir do lançamento das versões em WAP 2.0 dos sites do MSN, Hotmail e Messenger, o que deve acontecer dentro de poucas semanas. "Ao invés de recebermos das operadoras pelo tráfego de dados, como acontecia no WAP 1.0, agora vamos dividir com elas a receita que obtivermos com publicidade", explica o gerente de desenvolvimento de negócios do Online Services Group para América Latina da Microsoft, Omarson Costa. Esse mesmo modelo já é adotado pela Microsoft na Europa e está em fase de implementação nos EUA.
Hoje, a maioria dos portais presentes na internet móvel não divide a receita de publicidade com as teles. A Microsoft fará diferente porque entende que a operadora tem um papel importante para a massificação do acesso aos seus sites, justifica o executivo. "Por serem sites WAP, dependemos de estar no 'deck' das operadoras", complementa. Costa acredita que o mercado de massa para a publicidade móvel ainda está no WAP e não em sites para smartphones, que representam uma parcela pequena da base de usuários no Brasil.
Atualmente a Microsoft está presente nos decks da Vivo e da Oi. Foram assinados recentemente contratos com a TIM e com a Claro.
Além de sites móveis, alguns serviços da Microsoft também são oferecidos para celulares através de aplicativos instaláveis nos telefones e até mesmo nos simcards, como é o caso do Messenger que vem embarcado nos chips da Oi.
Tela Viva Móvel
Omarson Costa será palestrante no painel "A era das redes sociais e os serviços de valor agregado", que abrirá a oitava edição do Tela Viva Móvel, dia 20 de maio, das 9h às 10h30, no Centro Cultural Frei Caneca, em São Paulo. Para maiores informações, acesse: www.telavivamovel.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.