GSMA: decisão da Anatel sobre WiFi6E em 6 GHz prejudica futuro do 5G

Star Wars Foto: Pixabay

A GSMA (associação global da indústria móvel) publicou nesta quinta-feira, 4, um comunicado onde lamentou a decisão da Anatel de destinar toda a faixa de 6 GHz para uso não licenciado por equipamentos WiFi 6E. Para a entidade, a medida coloca em risco o futuro do 5G no País.

A manifestação reiterou pontos defendidos pela GSMA ao longo do processo empreendido pela Anatel – que permitiu a operação de equipamentos de WiFi na totalidade da faixa (1.200 MHz) no ano passado, concluindo a definição de requisitos técnicos há uma semana.

A decisão foi classificada pela GSMA como prematura e prejudicial ao desenvolvimento das redes 5G nos médio e longo prazos. "São Paulo precisaria de pelo menos 700 MHz em 6 GHz para o 5G, e, em certos cenários, a cidade precisaria de toda a faixa (1,2 GHz)", exemplificou a entidade, citando estudo da consultoria britânica Coleago. A Anatel minimizou há uma semana o risco de faltar espectro em banda média para o 5G brasileiro.

Notícias relacionadas

Outro ponto de reclamação foi a existência de mais de 20 mil links de radioenlaces (backhaul) em 6 GHz. A associação das operadoras afirmou que o serviço corre risco de interferência e que a Anatel não teria comprovado a possibilidade de coexistência entre ele e o WiFi.

Transparência

O próprio trâmite realizado pela reguladora foi questionado. Para a GSMA, a Anatel "poderia ter adotado um caminho mais transparente" ao abordar a questão.

A entidade alega que a primeira consulta pública sobre o tema (CP 47, datada de 2019) não tinha como objeto a aprovação do Wi-Fi em 6 GHz. "Contudo, a proposta da consulta pública N. 82/20, que tratou da atualização dos requisitos técnicos, já considerou a inclusão do Wi-Fi nos 1.2 GHz como legado do processo anterior". Para a GSMA, não houve espaço para debate formal sobre o tema.

O comunicado também lamentou a difícil reversibilidade da decisão, visto o "caráter não-especializado da instalação de dispositivos de WiFi". A atualização do Ato nº 14.448 com os requisitos técnicos do WiFi 6E em 6 GHz foi publicada hoje no Diário Oficial da União (DOU).

1 COMENTÁRIO

  1. A HUAWEI e a SAMSUNG lideram os registros globais de patentes (propriedade intelectual), reconhecido pelo IEEE !

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.