Iniciativa global publica primeiro padrão de interoperabilidade para Internet das Coisas

A iniciativa global de padronização para comunicação máquina-a-máquina (M2M) e Internet das Coisas (IoT), conhecida como oneM2M, lançou nesta quarta-feira, 4, a primeira versão de seu padrão internacional. O release 1 contou com a participação de mais de 200 membros de companhias de todo o mundo no desenvolvimento de suas dez especificações, que cobrem requerimentos, arquitetura, especificações de API, soluções de segurança e mapeamento de protocolos comuns na indústria como CoAP, MQTT e HTTP. A ideia é fundamentar as aplicações para que conversem entre si. 

Em comunicado, a iniciativa diz que a plataforma permite o transporte de várias tecnologias, como Wi-Fi, acesso fixo e celular, reduzindo a complexidade para o desenvolvimento de aplicações M2M e diminuindo Capex e Opex da parte dos provedores de serviços. Agora, a oneM2M trabalhará para aperfeiçoar o padrão, tornando a interoperabilidade mais fácil. A entidade publicou em seu site a lista de documentos técnicos a respeito do release 1.

 

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.