MCTIC lança câmara técnica e terá Plano Nacional de Cidades Inteligentes

Foto: Pixabay

Será lançada nesta quinta, dia 5, a Câmara para Cidades 4.0 (ou Cidades Inteligentes), uma das câmaras técnicas criadas a partir das prioridades definidas no Plano Nacional de IoT. Mas a criação de um colegiado para o debate de temas de Cidades Inteligentes vai além, e inaugura uma nova etapa nas políticas públicas setoriais. Os trabalhos serão coordenados pelo Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e pelo Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR).

Caberá à câmara o estabelecimento de diretrizes para políticas setoriais, definição de indicadores e formação de grupos temáticos. Uma das medidas detalhada pelo diretor de inclusão digital da secretaria de telecomunicações do MCTIC, Wilson Diniz, em evento organizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e SindiTelebrasil nesta terça, 3, é adotar uma metodologia de identificação do nível de maturidades dos diferentes municípios em relação a aplicações digitais, assim como a certificação das cidades em relação ao grau de "Cidade Inteligente".

Estes indicadores, diz, serão essenciais para a execução de políticas públicas, inclusive para um Plano Nacional para Cidades Inteligentes e Sustentáveis que será elaborado. Estes indicadores também nortearão os chamamentos de seleção das cidades para políticas específicas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.