ABTA lança campanha contra cotas na TV paga

A ABTA começa nos próximos dias uma campanha de televisão contra as cotas de conteúdo que estão sendo propostas no PL 29/2007, em tramitação na Câmara. O foco da associação, que representa operadores e programadores de TV paga, é a cota de 50% de conteúdo nacional no empacotamento, proposta no substitutivo que saiu da Comissão de Desenvolvimento Econômico. Mais cotas, ou cotas mais detalhadas, devem vir no substitutivo de Jorge Bittar (PT/RJ), na Comissão de Comunicação, segundo o próprio deputado. O vídeo produzido pela associação será veiculado nos canais associados, e falará diretamente ao assinante, com o tom "estão querendo dizer o que você vai assistir" e alertando para o risco de aumento de preços. A ABTA não entra no mérito da questão da entrada das teles no setor de TV por assinatura nem discute, nessa campanha, a necessidade de regras de transição para a mudança de cenário normativo.
A ABTA terá ainda encontros com o deputado Jorge Bittar para discutir suas posições em relação ao PL 29, mas é praticamente certo que o deputado incluirá obrigações de cotas aos operadores do mercado de TV paga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.