TBA e MobilePeople firmam parceria

O grupo TBA, holding que controla três importantes empresas da área de TI (a B2Br, a True Access Constulting e a NFe do Brasil), firmou parceria com a MobilePeople para o atendimento a seus clientes corporativos com soluções de mobilidade.
A MobilePeople foi fundada há cerca de um ano e meio pelo executivo João Moretti (ex-Mowa). A empresa desenvolveu diversas aplicações corporativas para uso em celulares e smartphones. Entre elas destaca-se uma plataforma que permite sincronizar aplicativos nos servidores das empresas com os celulares de executivos e funcionários. A MobilePeople também tem soluções de automação de força de vendas, gerenciamento de ordens de serviço, recebimento de emails e comunicação através de mensagens de texto pelo celular. Em seu curto tempo de vida, a companhia já detém uma carteira de clientes com nomes de peso, como Coca-cola, Casas Bahia, Pão de Açúcar e Sky. A Coca-cola usa a aplicação de automação de força de vendas da Mobile People. As Casas Bahia utilizam o gateway de SMS. O Pão de Açúcar adotou uma aplicação para que seus executivos vejam relatórios de desempenho dos supermercados nas telas de seus BlackBerries. E a Sky contratou a MobilePeople para fornecer sua solução móvel de gerenciamento de ordens de serviço. Moretti não divulga números por enquanto, mas garante que a empresa está crescendo muito este ano.

Mobile+

Notícias relacionadas

João Moretti será um dos palestrantes no painel "Mobile Office: ferramentas para um mundo móvel", durante o 1º Fórum Mobile+, evento organizado pelas revistas TELETIME e TI Inside e que será realizado entre os dias 21 e 23 de outubro na Amcham. O referido painel acontecerá no dia 21 de outubro, das 11h às 12h30. Também estão confirmados para o mesmo painel: Kleber Meira, presidente da Abacomm, e Julio Ramos, gerente de soluções móveis da Microsoft.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.