Publicidade
Início Teletime Nextel reformula sua oferta de planos de dados e voz

Nextel reformula sua oferta de planos de dados e voz

A Nextel vai reformular a sua oferta de planos pós-pagos de dados e voz para pessoas físicas. Os clientes vão poder fazer uma combinação livre entre três "tamanhos" de cada serviço, batizados como P, M e G, tal como no mundo da moda. Em dados, os usuários podem escolher entre 2, 5 ou 10 GB. Em voz, entre 50, 500 e 2.500 minutos. Ao todo, são nove combinações possíveis. Os novos planos, que já estão em fase de testes nas cidades de Campinas e Santos, serão disponibilizados para as demais praças onde a Nextel opera a partir de 8 de junho.

Notícias relacionadas
“No atual momento que o mercado está, tem espaço para trazer algo diferente aos clientes. Tem espaço para cada um de nós (clientes) termos nossa própria escolha”, afirma Cristina Famano, diretora de desenvolvimento de marketing da Nextel. “Isto é mais do que um novo pacote de planos, é um reposicionamento”.

O plano mais barato, com 50 minutos de ligação e 2 GB de dados, conhecido como "PP", sairá por R$ 99,99. Já o plano mais caro, o GG, será comercializado por R$ 259,99. Usuários que possuem os planos atuais da operadora podem migrar a qualquer momento aos novos modelos.

Sobre a campanha publicitária dos novos conjuntos de planos, Cristina explica que esta é a maior ação de marketing já realizada pela operadora. Sem revelar números – devido regras do Tribunal de Nova York que aplicou o Chapter 11 – a responsável pelo marketing da empresa informa que foram investidas altas quantias em campanhas nos principais rádios, TVs e jornais, e na mídia online. A ação começa a ser veiculada a partir do dia 14 de junho, domingo, em horário nobre.

Questionada se a Nextel planeja fazer parcerias com aplicativos, como a TIM fez com o WhatsApp e a Claro fez com o Facebook, a executiva rechaçou a ideia. “Se ele (cliente) tem o acesso à internet de 2 GB (de dados) para que vou impor o uso de um OTT?”, critica Cristina. “É melhor ele ter 2 GB e a opção de acessar o que deseja do que 100 MB e WhatsApp”. 

Novos tempos

A mudança nos planos pós-pagos surge às vésperas do processo de recuperação judicial (Chapter 11) nos Estados Unidos da holding da Nextel, a Nii Holding, que deve ocorrer entre junho e julho.  A companhia passa por diversos problemas com o atual cenário econômico da América Latina. Teve que vender sua operação no México no começo do ano e posicionou o mercado brasileiro como seu principal foco na região, com a Argentina em segunda plano.

Por outro lado, a companhia teve crescimento de adições líquida no Rio de Janeiro e em São Paulo, com 600 mil novos usuários em abril. O aumento colocou a empresa em quarto lugar entre as operadoras de telefonia no Rio de Janeiro, ultrapassando a TIM, com 11% do mercado ante 10,7% da rival. No atual momento,  a Nextel vê no mercado uma oportunidade de crescimento com a conversão do consumo de voz para dados.

A Nextel confirmou interesse em comprar espectro de 1.8 GHz em São Paulo e que deve dobrar o investimento no Rio de Janeiro.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair da versão mobile