PTT do NIC.br comemora 500 sistemas autônomos conectados

O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) comemorou nesta segunda-feira, 3, a marca de 500 sistemas autônomos (AS, na sigla em inglês) conectados em seus pontos de troca de tráfego metropolitanos (PTTMetro). A entidade diz que isso representa um crescimento entre 2011 e 2013 de 150%, com média anual de 40%. Segundo o NIC.br, isso significa um quarto dos AS registrados na Internet brasileira e um volume de 180 Gbps de tráfego, contra 56 Gbps registrado há dois anos.

Como um participante pode estar em mais de um PTT dentro do projeto e com o mesmo número de AS, a entidade civil (que implementa as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil – CGI.br) afirma que são 749 interligações aos PTTs, contando as presenças replicadas em mais de um ponto. Assim, o PTTMetro fica entre os cinco maiores pontos do mundo em número de participantes, junto com o AMS-IX na Holanda, DE-CIX na Alemanha, LINX no Reino Unido e MSK-IX na Rússia.

Pela grande presença dos sistemas autônomos, o NIC.br destaca serviços como cópia dos servidores DNS raiz e do .br; servidores do NTP.br (Network Time Protocol) para sincronizar relógios dos computadores com a hora legal brasileira distribuída pelo Observatório Nacional; e servidores do SIMET (Sistema de Medição de Tráfego Internet) para realização de medições da qualidade da banda larga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

I accept the Privacy Policy

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.