Apple paga US$ 60 milhões para pôr fim a disputa judicial pela marca iPad

A Apple concordou em pagar a empresa taiwanesa Proview Technology US$ 60 milhões para pôr fim a uma disputa judicial sobre a propriedade do registro da marca iPad, conforme comunidado divulgado nesta segunda-feira, 2, pelo Tribunal Popular Superior de Guangdong, no sul da China, informa o The Wall Street Journal.

A Proview Technology é subsidiária da fabricante de telas LCD Proview, que comercializou até 2009 um monitor de computador chamado iPad. A empresa taiwanesa, que registrou a marca em oito países em 2000, afirmava que o acordo que vendeu os direitos para a Apple, em 2006, não incluía a China, por se tratar de uma subsidiária independente. A Apple sustentava que o acordo era global.

Após o acordo definitivo firmado entre as duas empresas na semana passada, o tribunal enviou nesta segunda, à agência chinesa da indústria e comércio, a decisão de transferência da marca iPad à Apple. Com isso, a empresa chinesa não terá mais o direito de usar o nome.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.