Ceylão administrará passivo da Globalstar do Brasil

O executivo Fernando Ceylão foi contratado pela Loral Space and Communications para administrar o passivo da Globalstar do Brasil. A Loral é a antiga controladora da Globalstar brasileira, que foi vendida em abril por US$ 6,5 milhões para a Globalstar Inc. As dívidas da empresa não foram repassadas para o comprador e agora precisam ser equacionadas pela Loral. Ceylão era o presidente da Globalstar do Brasil.
O passivo é composto basicamente de dívidas fiscais e contingências trabalhistas, além de algumas ações cíveis de antigos clientes e parceiros. O objetivo é tentar equacionar o passivo em seis meses. Ceylão preferiu não informar o valor total das pendências. Ele montou uma empresa de consultoria para prestar o serviço, batizada de Fernando Ceylão Consultoria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.